Tratamento de Água e Efluentes

Produtos relacionados à

[+]
  • Tubulação para saneamento dezembro/2013
    Tubulação para saneamento
    atende a NBR 15536

    De PRFV, é resistente à corrosão galvânica e química e sua fabricação, em espessuras variadas, proporciona resistência mecânica a deformações verticais por amassamento. De baixa densidade e longa vida útil, encontra-se disponível em diâmetros de 300 a 700 mm e classes de pressão de 1 a 2,5 MPa, tendo grande flexibilidade nos processos de produção, com diversidade de tipos de resinas e adições de compostos químicos, como sulfato de alumínio, carvão aditivado e hipocloreto de sódio, entre outros. É indicada para operar com esgotos e efluentes agressivos.

  • Estação de tratamento de esgoto novembro/2013
    Estação de tratamento de esgoto
    impede propagação de odores

    Disponível com diversas capacidades para uso na indústria e agroindústria, remove matéria carbonácea e sólidos em suspensão através de tratamento biológico, seguido por desinfecção para a eliminação de patogênicos. A estação ETE-CH, de funcionamento horizontal, conta com reatores compactos que requerem pequenas áreas de instalação, produz reduzida quantidade de lodo, apresenta baixo custo de manutenção e consumo máximo de energia de 2 kW/h.

  • Rede de sensores sem fio setembro/2013
    Rede de sensores sem fio
    analisa a qualidade do ar

    A Aqmesh constitui-se em um sistema de monitoramento de qualidade do ar, ideal para ambientes urbanos que sofrem com a poluição proveniente do tráfego de carros. Possibilita captar gases como NO, N02, O3, CO e SO2 em partes/bilhão, além de umidade e pressão atmosférica. Identifica causas e a localização da fonte de poluição, gerando inventário de poluição com resultados armazenados em nuvem. A instalação simplificada se traduz em alta mobilidade, permitindo a integração em diversos projetos diferentes, e a avaliação de medidas corretivas.

  • Desmineralizador iônico agosto/2013
    Desmineralizador iônico
    trata 0,5 a 4 m³/h de água

    Remove os íons presentes na água através do contato com resinas de troca iônica, atendendo vazões que variam entre 0,5 e 4 m³/h, com regeneração manual ou automática. O DMU utiliza tanques de fibra de vidro, com capacidade de 6.000 a 48.000 L, fornecendo no final do tratamento água de alta qualidade, com baixa quantidade de sais dissolvidos. Leve e resistente a produtos químicos, possibilita a montagem de todos os componentes em somente uma estrutura.

  • Grade automática agosto/2013
    Grade automática
    tem vazão de 10 a 40 L/s

    Desenvolvida para o pré-tratamento de esgoto sanitário e efluentes industriais, remove impurezas sólidas, como areia, fragmentos em suspensão, cascalho até 5 cm, gordura, fibra e têxteis, entre outros. Compacta e de acionamento automático, está disponível nos modelos CKP_10, CKP_20, CKP_30 e CKP_40, com vazão máxima de 10, 20, 30 e 40 L/s. Dotada de bypass de emergência e espaçamento entre as grades de 3 ou 6 mm, pode ser fornecida com rosca transportadora integrada com dispositivo para desaguamento de sólidos.

          Top Five

          Conheça os 5 fornecedores preferidos pelo mercado industrial nesta categoria, segundo indicação feita pelos próprios especificadores e compradores industriais.

          ...aguarde...