NEI
DVP Brasil Comércio, Importação e Exportação de Bombas de Vácuo Ltda (Campinas, São Paulo)

Bombas de vácuo alojam palhetas rotativas lubrificadas a óleo

  • Bombas de vácuo alojam palhetas rotativas lubrificadas a óleo
  • Bombas de vácuo alojam palhetas rotativas lubrificadas a óleo
  • Bombas de vácuo alojam palhetas rotativas lubrificadas a óleo
  • Bombas de vácuo alojam palhetas rotativas lubrificadas a óleo
  • Bombas de vácuo alojam palhetas rotativas lubrificadas a óleo
  • Bombas de vácuo alojam palhetas rotativas lubrificadas a óleo

Descrição do produto

São utilizadas quando o fluxo sugado tiver umidade ou quando for exigida melhor pressão final, podendo funcionar em regime contínuo dentro de determinados intervalos de pressão ou ligadas a recipientes a serem evacuados (cujo volume seja adequado, em termos proporcionais à capacidade da bomba). As bombas da série L encontram-se à disposição em 19 modelos, com potências de 0,12 a 7,5 kW@50 Hz e de 0,15 a 9,0 kW@60 Hz. Funcionam com vácuo final de 2 ou 5 x 10-1 mbar (abs) e nível de ruído de 56 a 74 db(A)@50 Hz e de 58 a 76 db(A)@60 Hz; e fornecem vazões de 3 a 305 m³/h@50 Hz e de 3,2 a 365 m³/h@60 Hz, suportando temperaturas na faixa de 60 a 90°C. Aplicam-se aos setores de acondicionamento a vácuo, máquinas de termoformação, máquinas para trabalhar vidro ou mármore, aparelhagens médicas e extrusoras de massas alimentares ou de argila.

Especificações Técnicas

Tipo palheta rotativa
Vácuo Máx. 0,1 mbar abs
Vazão 3,3 a 365 m3/h

Envie sua cotação para a empresa

Seus dados serão enviados às empresas para que elas retornem sua cotação.

Seus dados serão enviados às empresas para que elas retornem sua cotação.